Guerra do Contestado: Tensão e Fake news

Era o ano de 1914 em plena Guerra do Contestado. Na data da carta em outubro de 1914 a guerra estava pendendo fortemente para o lado caboclo. As forças estatais aquela altura vinham sofrendo derrotas sucessivas desde o fim 1913. Em outubro de 1914 os rebeldes tinham domínio territorial considerável como se vê no mapa abaixo, a ponto de realizarem ataques quase que simultâneos: […] Em Porto União da Vitória, no extremo norte da área em conflito, e em Curitibanos e Lages bem ao sul.” (KAISER, 2014, p. 41).

Fonte: KAISER, 2014, p. 46 e 47,

Nesse contexto conturbado de tensão e sobretudo de derrotas por parte das forças oficiais, qualquer movimentação estranha era suspeita. Com efeito o governador Felipe Schmidt envia em 23 de outubro de 1914 telegrama ao comandante Setembrino de Carvalho relatando terem chegado de Joinville noticias que teriam chegada em Hansa (atual Corupá) 37 fanáticos.

No dia seguinte o próprio governador envia outro telegrama explicando que as autoridades de Joinville foram averiguar e que os indivíduos não tinham relação com o contestado.

Conheça também…

Segue a transcrição:

Telegramas de Felipe Schmidt a Setembrino de Carvalho da possível chegada de um bando de fanáticos a Joinville e posterior negação da notícia. Florianópolis.

23/10/1914

Florianópolis. N. 236. Data: 13. Hora. 10.30

Informam Joinville terem chegado Hansa 37 fanáticos acompanhados mulheres, crianças, animais constando virem em caminho cerca de duzentos todos fugido campo ação forças federais. Vou mandar verificar qual intuito dessa gente e caso procure proteções autoridades nos termos proclamados que fizestes distribuir providenciarei [não identifiquei] e procurarei localiza-la convenientemente para o que dirijo-me nesta data ministro agricultura. Mandarei também abrir inquérito para apurar se entre fugitivos existem responsáveis fatos criminosos do que vos darei ciência. Cordeais Saudações.
Felippe Schmidt.

Florianópolis. N. 248. Data. 24. Hora. 9.30

Autoridades de Joinville foram Hansa verificaram que grupo ali chegado homens mulheres crianças não se compõe de fanáticos e sim de negociantes ambulantes de animais vindos do Paraná tendo já passado por S. Bento e Campo Alegre conforme provaram com atestados de autoridades dos lugares por onde transitaram infelizmente para o caso da pacificação que tanto nos interessa foi um boato falso que nos fez perder tempo e o ensejo de vermos registrados os primeiros frutos da ação dos nossos camaradas nos sertões conflagrados. Sauds. Cordiais
Felippe Schmidt

Nenhuma descrição de foto disponível.
Fonte: CPDOC.
Nenhuma descrição de foto disponível.
Fonte: CPDOC.
Nenhuma descrição de foto disponível.
Fonte: CPDOC.
Nenhuma descrição de foto disponível.
Fonte: CPDOC.

Referências

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s